Globo de Ouro 2010 – Melhor Roteiro

Melhor roteiro é a premiação sempre ligado ao melhor filme. Porque, afinal de contas, um filme bem contado é um bom filme. Primeiramente vamos falar aqui dos melhores roteiros. Os indicados vão de Distrito 9, de uma dupla iniciante, mas com um belo projeto nas mãos; Guerra ao Terror, também do iniciante Boal e seu retrato da guerra do Iraque; Bastardos Inglórios, de Tarantino, que é sempre um Tarantino; e duas comédias românticas que estão muito bem cotadas pelos críticos.

Confira:

Distrito 9

O filme, que fala sobre a história de um homem que está ligado a um projeto que esconde extra-terrestres em Johannesburgo e é infectado por um deles, é dos estreantes Neill Blomkamp e Terri Tatchell, convidados pelo produtor Peter Jackson para escrever e dirigir o filme. Neill Blomkamp também é diretor do filme, e coloca duas de suas paixões no roteiro:  a história de seus país (ele é sul-africano) e ficção científica.

Guerra ao Terror

Mark Boal também não é um roteirista veterano, mas sua história também conquistou um espacinho na premiação da Associação de Correspondentes Estrangeiros de Hollywood. O filme de Boal é mais um da série de “Iraq moveis”, novo estilo que vem dominando a produção cinematográfica americana. O filme recebeu boas críticas por retratar a guerra de maneira fiel, com suas angústias e dramas de quem conta os segundos como forma triunfal contra a morte.


Bastardos Inglórios

Quentin Tarantino está de volta. Agora, com um filme que fala sobre a Segunda Guerra, combinando histórias de opressão, infames, verídicas e heróicas. O forte de Bastardos Inglórios são os estereótipos divertidos e como sempre, polêmicos. E Tarantino não está parado: enquanto tocava Bastardos Inglórios, já deixou engatilhado a terceira parte de Kill Bill.

Simplesmente Complicado

Nancy Meyers: junto com Tarantino faz o time dos roteiristas veteranos nesta lista de indicados. Meyers traz a história de Jane e Jake, casal separado há dez anos e que tem um revival. A diretora e roteirista é especialista em comédias românticas, e neste filme conta com o talento dos também veteranos Meryl Streep e Alec Baldwin.

Amor sem Escalas

Da dupla Jason Reitman e Sheldon Turner, o filme fala sobre um homem que oscila entre o trabalho – demitir pessoas e cortar gastos – e suas viagens, que está relacionada a uma de suas metas da vida: acumular um milhão de milhas aéreas. Reitman está há um pouco mais de dez anos no mundo dos roteiros e também é o roteirista de Obrigado por Fumar. Seu parceiro, Sheldon, é iniciante, mas já está envolvido no projeto de X Men Origins que contará a história de Magneto.

One response

  1. Ainda não vi os dois últimos… Up In The Air promete ser um forte concorrente ao Bastardos Inglórios, que é o da minha torcida.

    04/01/2010 às 3:52 PM

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s